Um Anjo na Terra

Resenha – Um Anjo na Terra

por: Caroline Moreira

UM_ANJO_NA_TERRA_1468452209593157SK1468452209B

Sinopse: E quando um anjo é enviado à Terra para realizar um desejo de cada pessoa? Será que daria certo? O que elas pediriam? Será que ele atenderia na íntegra? Não o anjo Gabriel, questionador e sem muita paciência com o egoísmo dos homens, causará várias situações constrangedoras e engraçadas para salvar os seres humanos de si mesmos! Um livro com histórias de pessoas como nós, que se enfurnam numa rotina enfadonha e esquecem de viver, sobrevivem a cada dia como se nunca fossem morrer, deixam seus sonhos para um amanhã que nunca chega… Mas uma hora acordamos ou um anjo nos acorda! 

Número de páginas: 160
barra
Realmente tive uma surpresa positiva referente à obra “Um anjo na Terra”, pois quando tive acesso às primeiras páginas, confesso, imaginei um clichê que se arrastaria, me causando frustração e, consequentemente, confirmaria o meu pré-conceito com a premissa. Não costumo julgar livros, ainda mais no início, porém isso me rendeu uma agradável e inesperada leitura e, pela primeira vez, me alegrei ao estar errada.
barra
Apesar de que o núcleo seja ou pareça previsível, isso não afeta o desenvolvimento do enredo que a autora trabalha de uma forma fenomenal! Por mais exigente que eu possa ser, ela conseguiu atender bem todas as expectativas que criei e, mesmo que o livro não seja enorme, as 312 páginas fluíam como se fosse tão pouco! Como se a cada centena que eu virava, me angustiava em perceber a proximidade do fim. Isso é fantástico, sendo que há livros com menor quantidade de páginas que se tornam maçantes, ao contrário deste, que manteve a dinâmica ao mesmo tempo em que prendia minha atenção.
barra
Não me entendam mal, mas não sou amante de romance, prefiro os finais trágicos ao finais estilo conto de fadas. Porém, isso não vem o caso, e sim que – pasmem! – eu tive uma afeição sem igual por este livro, de verdade, a facilidade com que o li é inexplicável, não houve praticamente nada que eu pudesse reclamar. Mas, ainda assim, vou fazer uma crítica, pois julgo ser de cunho construtivo; na história, existe uma passagem reprodutora de estereótipo de gênero, caracterizando uma leitura de “livro de mulherzinha”, compreendo que isto reflita a opinião de Ana Beatriz e não da autora, mas acreditei ser desnecessário. Sempre considero esses trechos problemáticos e aponto com a melhor intenção possível. Assim, ainda isso tenha me aborrecido, foi um caso isolado, então, creio que a autora, ao perceber a relevância do que mencionei, possa evitar essa reprodução dispensável.
barra
Prosseguindo, a escrita de Luana Barros tem algo que não consigo definir, é próprio dela, contudo, posso assegurar a leveza e a fluidez, além da gramática. Havia um erro ou outro, mas era notável que era de formatação, e não gramatical, podendo também estar presente apenas no arquivo que recebi.
barra
Sem mais delongas, a trama discorre sobre a tarefa de Gabriel, um anjo que deve unir Ana Beatriz e Jorge, e também realizar alguns desejos, visto que, por ordens superiores, cada ser humano adquire direito a um. Preciso esclarecer: esses desejos não são como pedir para fadas ou coisas assim, não são atendidos imediatamente e conforme os humanos queiram. Ao menos, com Gabriel não funciona assim, com uma personalidade travessa e teimosa, ele acredita que as pessoas nem sempre sabem o que desejam ou o que é o melhor para elas.
barra
Com discussão sobre violência doméstica e colocando na balança o dinheiro e tempo versus felicidade, a autora nos mostra muitos personagens que vão além de Jorge e Ana Beatriz, porém, tão falhos e perdidos quanto. Em meio a diálogos bem humorados e personagens carismáticos — até uma Carol, maravilhosa por sinal! — o enredo progride por meio de lições que pouco se assemelham a sermões moralistas, provocando reflexões e também nos ensinando sobre o amor, a amizade e o perdão.
barra
A parte estética é muito simples, no entanto, tem a aura da narrativa. O sorriso malicioso do anjo Gabriel, apontando para o planeta onde realizará sua missão. Mas, ainda assim, achei uma capa fraca e sem muitos atrativos, o que me decepciona, já que a capa conta muito em uma escolha a primeira vista, que depende do aspecto visual.
barra
Pode parecer um livro subestimado e banal, todavia, ele não gira em torno só de romance e creio que o objetivo da escritora não se limita a emocionar pelo casal protagonista. Cada vida que pulsa no livro tem algo importante a dizer ou apresentar e, por ser uma leitura tão simples e sem um vocabulário truncado, garanto que a obra vai proporcionar uma leitura emocionante. A autora conseguiu me fazer lacrimejar um pouco, não costumo chorar com livros e fui levada pelo sentimento pessoal, entretanto, de qualquer modo, é uma viagem sensorial que irá te levar para um lugar incrível.
barra
E você, o que acha de Um anjo na Terra?

carol eu

Dona de 18 primaveras. Feminista. Estudante de Pedagogia. Amante de MPB, animes, k-pop, doramas e uma boa xícara de café. Não vive sem livros, filmes ou maquiagem. É apaixonada por Fred Elboni e quer proteger todos os animais do mundo 🌸

FacebookInstagramSkoobTwitterFlickr

Anúncios

36 comentários em “Um Anjo na Terra

  1. Oi Carol!! Nossa, a hora que eu bati o olho nessa resenha eu pensei na minha mãe. Pelo que li da sua resenha, é o tipo de livro que ela gosta sabe? E se você quase chorou, tenho certeza que ela vai acabar chorando, ahaha. Vou procurar nas livrarias daqui como uma opção de presente pro dia das mães 🙂

    Um beijo,
    Rê | Blog Encanto da Sereia

    Curtido por 1 pessoa

  2. Genteeeeeeee eu quero esse livro!!!! ❤ Sabe quando tu se identifica com a história logo de cara??? Então isso aconteceu comigo! Me fez refletir muito, porque infelizmente eu faço parte desse time de pessoas que deixa tudo para amanhã… Outra coisa que me chamou atenção é o fato do anjo não realizar todos os pedidos logo, porque as vezes as pessoas não sabem o que querem, e isso é tão verdade. Muitas vezes eu não tenho nem noção do que estou pedindo e só depois me dou conta do quanto eu estava errada em querer algo que não iria me acrescentar nada na vida… Enfim, amei a resenha e super quero esse livro para mim. Beijos

    Curtido por 1 pessoa

  3. Confesso que de primeira eu também não ne interessei pelo livro mas suas dicas são sempre bem vindas então, quem sabe? De qualquer forma, o tema não me desagrada, achei interessante essa coisa de um anjo realizar os desejos dos humanos e tal. Parece ser um livro bem reflexivo.
    Parabéns pela resenha!!! ❤

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s