Rascunhando Sobre a Vida

Resenha – Rascunhando Sobre a Vida

por: Caroline Moreira

CapaRascunhando.jpg

Sinopse: Pela diversidade de gêneros este livro é uma festa. Ágil e versátil, Gaston Leonardo Stefani reúne aqui seus contos, poemas e crônicas nos mais variados estilos buscando sempre um encanto, uma supresa ou graça, sem qualquer verniz acadêmico. Gaston Stefani mergulha nas estranhas do ser humano perdido nos caos do cotidiano. Vaidade, consumismo, vícios, preconceito =, insanidade, inveja, taras, vinganças, frustrações, pequenas e grandes tradições, violência, ilusões, desespero e dor, e até ameaça do nazismo high tech e da terceira guerra mundial povoam suas histórias. 

Número de páginas: 95
Onde encontrar? Solicite um exemplar
barra
Ao iniciar a obra com uma citação de Charles Chaplin e terminar da mesma forma, o autor está ciente do que o seu texto exprime, visto que o brilhante criador do personagem Carlitos, possui uma ligação com o teatro de vaudeville, onde iniciara a sua carreira. Um dos mais conhecidos empreendimentos presente nos Estados Unidos, o vaudeville se caracteriza pela junção de dançarinos, músicos, comediantes, peças de um só ato e até mesmo palestras que ocorriam em apenas uma noite.
barra
Isso indica que cada detalhe da obra foi planejado e está ali exigindo atenção, e não por mero acaso. Com poemas, contos e crônicas divididos em temáticas, Gaston cria uma ligação entre eles que, embora a primeira vista sugira um texto bagunçado e confuso, surpreende ao ser como o “teatro de variedades” fornecendo um show repleto de diversidade e abrangendo uma grande quantidade de espetáculos literários fascinantes, os quais apesar de parecerem distintos e desconexos formam um conjunto perfeitamente equilibrado.
barra
Ao trabalhar com a multiplicidade de vozes líricas e de gêneros textuais, realmente me fascina a habilidade e facilidade que ele tem para se sair tão bem tanto na prosa quanto na poesia, proporcionando sempre um estado de emoção novo ao leitor assim que o tema é alterado. É possível experimentar os mais singelos sentimentos assim como se perder profundamente nos mais complexos, diante de textos bem humorados, passando pelo território sobrenatural e até mesmo pela crítica e mencionando os direitos de travestis e transexuais é inevitável não se enamorar pelos textos tão bem articulados.
barra
Além disso, o intertexto se faz presente na narrativa, tornando cada página lida uma reinterpretação de obras já existentes e ressignificando-as, no entanto, “Rascunhando a vida” não apenas traz o passado para nós, e sim nos apresenta tópicos atuais como o vício cibernético e a ideologia de gênero, sob uma perspectiva humorada mas sem desrespeito, como muitas vezes ocorre ao se tratar de uma das minorias mais marginalizadas. Creio que a utilização do humor foi o modo que ele encontrou de se posicionar a respeito, pois me transmite que a ideia fora suscitar uma crítica e também uma reflexão.
barra
Com muitas referências tanto de cunho literário quanto cinematográfico e também com alusões a tragédias gregas antigas, surrealismo e psicanálise temos acesso a uma leitura inigualável que transborda conhecimento e técnica. Um dos escritos que mais me chamou atenção foi “O menino de Kafka” em que o livro do tcheco, chamado “A metamorfose” recebe uma nova versão através de um aspecto cômico. O amor e sexo também permeiam as passagens seja por meio de poemas ou contos, o autor consegue manter o interesse do leitor como um passe de mágica.
barra
O humor utilizado por ele é metamórfico e se transforma dependendo do contexto, assumindo uma posição sarcástica, outras vezes adquirindo ares de sutileza ou construído baseado em ironia. Presente até na parte romântica, o humor e a poesia em sua forma mais nua e crua nos arranca gargalhas e risos sinceros na medida em que também nos enamoramos pelos versos exibidos.
Com uma mistura agradável e harmônica, Gaston, como ator e também escritor, reúne o melhor dos dois universos e em poucas páginas nos leva para um experimento literário que não só nos levanta questionamentos e pensamentos reflexivos, como uma literatura complexa, mas também nos arrebata com uma linguagem suave e uma leitura leve capaz de nos fazer flutuar em uma viagem magnífica entre o passado e futuro.
barra
É notável a maestria que ele detém ao escrever, pois a leitura é fluída e pelo tamanho do livro e conteúdo excepcional, pode-se realizar a leitura em menos de uma hora. Os contos sempre nos mostram personagens próximos da realidade ainda que de algum modo exagerados para que percebamos como estamos vivendo e sintamos esse “choque” ao nos depararmos com loucuras e insanidades não tão distantes da nossa normalidade cotidiana.
barra
Caracterizado como um autor pós-moderno por Marcelo Mourão, crítico literário, responsável pelo prefácio, Gaston Leonardo Stefani traz em “Ilusões” o que se considera o auge da denominação recebida pelo crítico, não somente pelo final ambíguo que cabe ao leitor decidir e sim pelos elementos híbridos. Neste conto, ainda é possível perceber nuances de “O show de Truman” e “Matrix”, e essas referências não só dedicada ao cinema se estendem pelos demais textos, agregando mais valor à obra.
barra
Por essas razões, acredito que a leitura seja válida e nos acrescente tanto como leitores quanto indivíduos, causando sensações que poucos livros conseguem despertar. Sugiro que dê uma chance a essa literatura ousada e permita-se absorver tudo aquilo que lhe é oferecido!
carol eu 

 

Dona de 18 primaveras. Feminista. Estudante de Pedagogia. Amante de MPB, animes, k-pop, doramas e uma boa xícara de café. Não vive sem livros, filmes ou maquiagem. É apaixonada por Fred Elboni e quer proteger todos os animais do mundo 🌸

FacebookInstagramSkoobTwitterFlickr

Anúncios

20 comentários em “Rascunhando Sobre a Vida

  1. Oi Carol, tudo bem?
    Nossa, fiquei mega curiosa pra ler esse livro. Vi que ele é bem curtinho e aborda diversos assuntos importantes né? Acho que são daqueles livros que somam na vida da gente né? E fazem a gente repensar e refletir por um bom tempo. Já anotei na wishlist aqui!

    Um beijo!
    Rê | Blog Encanto da Sereia

    Curtido por 1 pessoa

  2. Oie Carol, tudo bom?
    Eu achei a proposta fabulosa. E fiquei muito surpresa do livro não decepcionar apesar de ter tão poucas páginas. Despertou muito meu interesse.

    Beijos,
    Paixão Literária.

    Curtido por 1 pessoa

  3. Gente, fiquei extremamente curiosa em relação a esse livro. Vou procurar pra já, nem preciso dizer que como sempre sua resenha me deixou com um gostinho de quero mais né?!
    Amei!!!!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s